25/10/2015
Ruído intenso premium
Se de nada mais pudesse avisar, diria que há ruído no canal. Que há poluição. Que nenhuma certeza existe senão aquela que vive dentro das nossas cabeças e que as palavras não traduzem, nunca, da forma ideal. Que aquilo que se diz, é distorcido, deturpado, que nunca controlamos nem sabemos das razões e intenções de […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
20/10/2015
Não estás a entender premium
Não estás a entender, dizia-lhe, e os corpos agitavam-se, e ela chorava e resistia, e dizia que não podia, que não devia ser assim, que tinha de ser mais, que só podia ser mais, e ele a pegar-lhe e ela a contorcer-se, e os pulsos a querer fugir e ele a agarrá-los com força, e […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
15/10/2015
Hatchet premium
  If I had a hatchet It would be yours to have ‘Cause your decapitating habits feel a little bit orgasmic If I gave you a hatchet It would be yours to have I kind of like the feeling when you stab me in the back Every time I see you Look me in the […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
10/10/2015
De costas para mim premium
Encontro-me contigo quando estás de costas para mim, a olhar o horizonte lá longe. O horizonte é sempre longe, bem vês, é o paradoxo de Zenão na ponta dos dedos, sempre que os levantas para tocar o horizonte que sempre te foge. A ti, a mim, a todos. Mas interessa tão pouco o horizonte se […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
30/09/2015
Abismos vorazes premium
Tu és um homem bom, disse-lhe. E isso, em si mesmo, seria para muitos uma surpresa. Não que ele fosse um homem bom, mas que ela lho dissesse, pois se para tanta gente ela era um bicho frio, de sangue gelado, com a rispidez pronta ao disparo; mas não para ele, para o homem bom, […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
25/09/2015
Vigésima-quinta hora premium
Na vigésima-quinta hora ele entrou, nu, na sala clara com uma cadeira ao centro, e sentou-se, no mais absoluto silêncio. Minutos depois, ela entrou, de lingerie escura, e caminhou até ele. Silenciosa. Fez-lhe sinal para que nada dissesse, nada falasse. Afastou-lhe as pernas e puxou-o um pouco mais para a frente da cadeira e com […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
24/09/2015
A separação premium
Sou um leitor frequente do Observador. É uma publicação que ocupa um espaço que num qualquer diagrama de Venn intersecta o suficiente o meu espaço para o considerar uma leitura interessante, e sendo certo que a necessidade de sobreviver lhe faz surgir alguns artigos de verdadeiro enchimento de chouriços, tropecei numa leitura, relativa às legislativas […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
20/09/2015
A máquina de lavar premium
De pé, frente a ela. Geométrica, angular, com um olho enorme que nos observa. Meter pó. Meter amaciador. Fechar a gaveta e a porta. Rodar e pressionar botões. A água vai subir, a espuma vai surgir, a terra da roupa vai embora e a família ia talvez ficar contra, talvez agora, talvez um tempo, até […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
15/09/2015
Seguir o coração premium
Uma pessoa que conheci de raspão há alguns anos, e que me deu formação de âmbito europeu, com uma carreira de 15 anos e situação estável, decidiu abandonar tudo para, ao que parece, ser artista de circo no Nepal (e não é uma mulher de 20 anos, atenção!). Outra, esta portuguesa, com também qualquer coisa […]
premium
Por baixo, de lado, por cima