18/12/2013
Marca! premium
Dois zero zero um. Acredito que a paisagem, sobretudo ao amanhecer, fosse um dos pontos altos ali. Mas a temperatura estava baixa, e a humidade muito alta. E havia um nevoeiro cerrado que não deixava ver um palmo à frente da janela. Mas isso era indiferente. Eu não queria ver sequer um palmo à minha […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
16/12/2013
Telefonema para lado nenhum premium
Cai sobre mim um fumo espesso, opaco. É negro, pesado, esconde-me o Sol por completo, carrega o ar e fá-lo pestilento, esconde-me do mundo, veda-me a luz, faz-me proscrito. Este fumo negro está em tudo o que não vejo, nas coisas que não oiço, os lugares onde não estou. Este fumo negro veio carregado de […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
15/12/2013
Any given Sunday premium
O que eu gosto de estacionar o carro, à beira do mar ou do rio, num final de tarde, e dormir uma sesta, não tem explicação. Também gosto (diria, prefiro) de carícias, mimo, cuddling. Mas por ora, fiquemos em dormir uma sesta. E dei por mim num local que conheço muito bem, ao pé do […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
14/12/2013
Deixar pingar premium
Se fosse primavera poderia dizer que era alergia. Se fosse conjuntivite, poderia dizer que era doença. Se estivesse a rir agarrado à barriga, poderia dizer que era graçola. Se me tivesse morrido alguém, podia dizer que era tristeza e ausência irrecuperável. Tivesse eu caminhado à chuva e poderia dizer que era isso. Mas assim, assim […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
13/12/2013
Wickedness premium
Wicked. Sei que a palavra se traduz em coisas que não são exactamente aquilo em que estou a pensar. Não estou a pensar em maldade, em desonestidade ou vilania. Muitas vezes recorro à palavra wicked – não raras vezes no meu silêncio – por causa do contraste entre o que parece ser aceitável e aquilo […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
11/12/2013
Menina pequena premium
Menina pequena, que fizeste tu? Que fiz eu? Que fizemos nós, que tínhamos o mundo todo nas nossas mãos, e a certeza de que isto é verdade, de que isto é bom, e não segurámos as mãos firmes quando correram aos nossos braços e nos forçaram os dedos para tirar o tesouro que apertavam. Menina […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
09/12/2013
Das minhas camisas e da escolha premium
Quando me ponho a olhar para a minha roupa penso, muitas vezes, no Barry Schwartz. Penso em várias coisas, na verdade. Mas também penso no que o Barry Schwartz defende quando nos fala do paradoxo da escolha, e de como more is less. Ao longo dos anos fui acumulando roupa diversa, pouca comprada, muita oferecida e […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
08/12/2013
Nada natalício premium
Desde há vários anos que é assim. O Natal aborrece-me. Não tenho paciência para árvores nem decorações. Não tenho paciência para eventos familiares. Não tenho paciência para a correria de presentes nem para programações televisivas alusivas à quadra. Alturas há em que nem sequer para a mesa tenho paciência, e me enjoo perante mesas de […]
premium
Por baixo, de lado, por cima
05/12/2013
Sempre, mas hoje mais premium
Seja esta a mão que te percorre os cabelos e infunde paz, o ombro onde te apoias e o corpo onde te encostas. Bata o meu coração ao alcance do teu ouvido, e seja a minha respiração o único ruído suave que te embala. Sejam os meus braços aqueles que te recebem, as mãos abertas […]
premium
Por baixo, de lado, por cima