Abraça-me com força. E os meus braços apertaram-te, seguraram-te, senti as tuas lágrimas humedecer-me a roupa, a pele, escorrer por mim, e eu fiquei em silêncio, agarrado a ti. Havia de apoiar-te sempre.