Nikola Tesla (não confundir com cafés Nicola) foi um inventor, nascido na Sérvia em 1856, que ganhou para si uma certa fama de cientista maluco, tendo trabalhado sobretudo com electricidade e magnetismo. Tesla desenvolveu o motor de indução de corrente alterna, apresentou ao público um barco telecomandado – que em 1898 foi interpretado como um acto de magia e não como ciência -, e dedicou-se fortemente às suas experiências com elevadas voltagens de grande frequência, o que talvez seja o mais representativo em Tesla. Com efeito, os grandes arcos voltaicos que rasgam e iluminam o ar como se fossem relâmpagos, entre dois corpos metálicos, ou mesmo entre objectos e pessoas, são imagens que facilmente se associam a Tesla. Se tem magnetismo, se faz faísca… Tesla. E tudo isto é muito bonito. E muito científico. Mas engraçado mesmo é que sem Tesla e sem experiências nenhumas, também há gente que faz faísca. E parecem relâmpagos. E nem sempre é preciso estar muito perto. Tesla? Right…

João Por baixo, de lado, por cima

O João é Geógrafo físico e produtor de metano. Para além da geografia e da escrita, interessa-se também por fotografia, cinema e bolos da pastelaria do Manuel Natário em Viana do Castelo. E por mulheres, também. Não necessariamente por esta ordem, e nem sempre em separado. É um palhaço, não raras vezes um idiota, e até mesmo um cabrão, segundo opiniões conhecidas.

Your comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *