A favor dos mamilos erectos!

Há frases que constituem os pilares sobre os quais todo o mundo assenta. No caso do mundo masculino, Estás com frio? é apenas uma delas. Outras existem, como Estás feliz por me ver?, Deixaste os bicos acesos! ou, uma das melhores, Estás a aquecer o leite?.

Esses pilares do mundo masculino estão a desaparecer, estão a ser atacados. E porquê? Porque agora a maioria dos soutiens, para além do aro, ainda têm espuma ou pequenas almofadas, e não só para enganar, enchendo os peitos que por natureza são pequenos. E nem só para sustentação acrescida. Também se fazem assim porque há mulheres que se dizem incomodadas com o facto de as outras pessoas conseguirem notar os seus mamilos erectos sob a roupa.

Tirem-nos os mamilos erectos e tirem-nos a alegria de viver. Que será de nós sem os mamilos erectos? Há lá coisa melhor do que ir na rua, despreocupado, e cruzar-me com uma mulheraça toda gira, de mamilos erectos? Eu quero, melhor… eu exijo continuar a ver os mamilos erectos! Todos nós, homens, devemos iniciar uma luta organizada contra os soutiens almofadados.

Mamilos erectos Sim!
Soutiens Almofadados Não!

João Por baixo, de lado, por cima

O João é Geógrafo físico e produtor de metano. Para além da geografia e da escrita, interessa-se também por fotografia, cinema e bolos da pastelaria do Manuel Natário em Viana do Castelo. E por mulheres, também. Não necessariamente por esta ordem, e nem sempre em separado. É um palhaço, não raras vezes um idiota, e até mesmo um cabrão, segundo opiniões conhecidas.

6 Comments

  1. No way!!!!
    As almofadinhas são uma das invenções do século!!!
    Copõem o decote (nem aumentam grande coisa!), e ainda nos livram desses “Piropos de Andaime” a que chamas “frase-pilar do mundo masculino”!
    Vivam as almofadinhas!!!
    Beijinhos,
    T

  2. Num contexto mais reservado sim!!!…. mas aí, podes sempre por-te a adivnhar como estará a situação e, se usares bem as frases-pilar vais ver como as almofadinhas desaparecem num instante!
    Beijinhos,
    T

Your comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *